Não falar de amor  

Posted by Jean Leal


Hoje não vou falar de amor
e nem de algo que lembre uma canção;
Por que isso são coisas que passam
mas sempre levam um pouco do nosso coração;
Eu deixo a vida acontecer
Por que nunca se muda o curso do mar
E entre meus risos, abraços e alegrias
Eu sei que falta alguém
E eu sei que esse alguém é você;
Com o tempo aprendi a ser tão de mim mesmo,
Que é difícil eu ser de alguém
E sempre me lanço sem saber
O porque de ser sempre a mesma reação
Eu quis que tu me amasse
Tal como eu te amava em cada verso e canção;
Eu disse que não iria falar de amor
Mas é impossível não dizer
do que está cheio o coração.

Jean Leal

This entry was posted on 19 de nov de 2009 at 00:07 . You can follow any responses to this entry through the comments feed .

13 Bondosas pessoas que comentaram

lindo, siplismente lindo!

*-------*

19 de novembro de 2009 00:21
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
19 de novembro de 2009 00:37
Anônimo  

Eu deixo a vida acontecer...

E é exatamente isso que devemos fazer.

Não falar de amor é complicado, né? O amor é pra se viver compulsivamente, intensamente..

E outra, A boca fala do que o coração está cheio . Valeu.
_
minhapaciencia.blogspot.com

19 de novembro de 2009 00:53

não há vida sem amor.
somos frutos de tal sentimento, não por ter sido feito com a amor. nem todos somos feitos por amor. muitas vezes por mero desejo. mas somos concebidos com tamanho afeto, que a vida não seria vida sem esse sentimento chamado amor.
por isso não falar de amor é tão dificíl quanto falar.
nunca as palavras serão capazes de sintetizar o mais completo e perfeito dos sentimentos que é o amor.
mas sempre procuramos fazer.
sim eu li. apesar de não lembrar de nada das minhas aulas de ballet sou apaixonada pela dança. assim como pelas palavras, musicas,pinturas e teatro.
beijos

19 de novembro de 2009 14:21
Michel Leandro  

"Com o tempo aprendi a ser tão de mim mesmo".
E eu também aprendi esta lição - tão BOA - ser da gente mesmo.
Quando decidimos "não falar de amor" já falamos. O amor é a unica coisa que move o mundo para frente.

19 de novembro de 2009 20:08

lindo o texto *-* sucesso pro seu blog :*

19 de novembro de 2009 20:45

mesmo sem querer falar de amor ja falamos em dizer que nao vamos falar, tudo se liga a ele, é um ele inquebravel! passa la no meu post novo:*

19 de novembro de 2009 22:51

qUE lindoooo...
Me fez lembrar de mim,eu sou aternamente apaixonada por alguém!

20 de novembro de 2009 22:57

Muito bom parabéns.
http://pontodoslinks.blogspot.com

21 de novembro de 2009 12:02

Adoro blogs desse estilo. E pude notar que temos o mesmo gosto, somos seguidores do mesmo blog: Imunidade poética.
Bom, vamos fazer uma troca então?!
Coloco o seu na minha lista de terceiros ok?

Abraço.

21 de novembro de 2009 12:18

Um novo shakespeare!
RSRSRS
Lindo demais, parabéns!
acesse:
http://arvorerosa.blogspot.com/

23 de novembro de 2009 23:24

"...Meus versos são pra ti
Um amor que está tão longe de mim...", simples e belo de matar!

http://cemiteriodaspalavrasperdidas.blogspot.com/2009/11/artista-recria-cenas-de-filmes-com-fita.html

27 de novembro de 2009 22:56

Lindo Jean, você é um poeta. Que maravilha saber que aquele menino risonho, de olhinhos apertados, é um poeta espetacular! Parabééns, todas as suas poesias são lindas. Beijo.

12 de dezembro de 2009 19:44

Postar um comentário