Doce Carnaval  

Posted by Jean Leal


Deixa o silencio dançar
deixa que ele sozinho vive
Deixa o amor sonhar
que à ilusao ele resiste


E que o teatro feche as cortinas
Que se feche as portas
do nosso coração
e que páre a bailarina na ponta
do medo, da vida
do amor, da solidão


E que seja somente um
o sentimento da paz
Que poetas nao vivam mais
carregando consigo
o triste peso de saber amar


Deixa que a vida
sempre encontra a morte
parada na esquina
de uma quarta-feira
de um doce carnaval


Jean Leal

This entry was posted on 2 de jun de 2012 at 14:45 . You can follow any responses to this entry through the comments feed .

0 Bondosas pessoas que comentaram

Postar um comentário